A Palavra de Deus

"Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração". 
(Hebreus 4:12).
 Sem dúvidas você já conhece este versículo. Você ouviu falar na Igreja por alguém, ou você o leu várias vezes durante a caminhada cristã.  Essas palavras do escritor de Hebreus significam muito, eu particularmente gosto muito deste versículo, sempre me lembro dele quando penso em algo relacionado a Palavra de Deus. Ele está constante em minha mente, tão constante que hoje decidi falar sobre ele. O que eu sinto quando, não somente leio, mas dedico minha total atenção a este versículo, é que, a Palavra de Deus - contida na Bíblia, inspirada pelo Espirito Santo e escrita por homens de Deus -, é mais penetrante do que qualquer espada, e por ser tão penetrante ela vai no profundo, no ponto chave da alma e do espírito, bem no alvo do nosso interior. É lá que somente Deus tem livre acesso, é lá que somente Ele nos conhece plenamente de forma transparente, Deus nos sonda e por isso nos conhece melhor do que nós mesmos.  

    Você provavelmente já teve experiências significativas com a Palavra de Deus - A Bíblia. Eu tenho tido experiências, sejam simples ou impactantes, não importa. Ultimamente tenho apreciado mais a teologia e o estudo da Palavra, tenho procurado me aprofundar mais na sua leitura, e também em livros de estudo.  O que tenho notado claramente é que a cada dia aprendo algo, algo que ainda não sabia e nem imaginaria um dia saber, algo que é totalmente novo para mim. Gosto também do versículo que diz "Prossigamos em conhecer ao Senhor", pois isso afirma que Deus é infinito em conhecimento, nunca estaremos bom o suficiente a respeito do conhecimento de Deus, nunca conheceremos Deus o bastante. Ele simplesmente é O conhecimento, Ele é O dono de todo o conhecimento e sabedoria.  No livro Teologia Sistemática Pentecostal o autor cita a Sabedoria como um dos atributos comunicáveis de Deus: 

A sabedoria é mais que o conhecimento ou a inteligência; trata-se da capacidade mental para entender todas as coisas, um aspecto particular da onisciência de Deus. Esse atributo é conhecido como sapientia Dei, “sabedoria de Deus”, ou omnisapientia, “toda-sabedona”.  (Teologia Sistemática Pentecostal, CPAD. 2008). 
      *Observe que o autor diz que a "Sabedoria é mais que o conhecimento ou a inteligência", ou seja, está muito além de um simples conhecer, a Sabedoria do Senhor é isso e muito mais.
     Ao lermos e meditarmos na Palavra do Senhor de forma profunda, entendemos claramente o que o autor de Hebreus quis dizer com "Viva e eficaz", pois ela sendo viva traz vida, sendo eficaz nos transforma por inteiro a ponto de ser apta para "discernir os pensamentos e intenções do coração". O nosso coração é enganoso, em Provérbios diz que "Todos os caminhos do homem são puros aos seus olhos, mas o Senhor pesa o espírito". (16:2). Pensamos que estamos no caminho certo quando, na verdade, estamos completamente errados. "E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos."  (Romanos 8:27), o Senhor pesa o espírito, Ele contempla o nosso interior, nossa alma e espírito, com isso Sua Palavra penetra até esta divisão e discerne os nossos pensamentos e intenções do coração. Temos que entender que mesmo que "pareça" boa nunca é na verdade uma boa intenção diante de Deus. Por isso precisamos meditar na Palavra de Deus dia após dia, sempre mais, de forma abundante. Precisamos ansiar em compreender a Palavra, e não sermos mais guiados por nós mesmos, ou seja - pela nossa própria vontade e pelo nosso coração -, mas sim totalmente guiados por Deus. Pois sua Palavra "é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração".

Amém! 

Comentários

Postagens mais visitadas